Oncologia Ortopédica

Dr.  Glauco José Pauka Mello, iniciou seu trabalho em Oncologia Ortopédica no ano de 1985, na cidade de Curitiba, com pacientes acometidos por câncer ou por manifestações desta doença em tecido ósseo.

O câncer no osso é uma manifestação rara, apenas 1% de todos os cânceres incidem no osso, porém observamos que qualquer tipo de câncer pode dar metástase (sementes) em qualquer osso de nosso corpo.

O diagnóstico precoce e o encaminhamento para o especialista em Oncologia Ortopédica é extremamente importante no prognóstico da sobrevida do paciente, é o que o Dr Glauco recomenda. Tratamento e diagnostico precoce possibilita a tentativa de cirurgia preservadora do membro afetado, não sendo portanto necessária a realização das amputações.

Os sintomas iniciais são de dor e/ou aumento de volume (inchaço) local, independentemente do tumor ser, ou não, palpável ou visível na sua fase inicial. A intensidade da dor aumenta gradativamente, até tornar-se constante e com intensidade que não mais alivia com analgésicos comuns como acido acetil salicilicos ou anti-inflamatórios.

A dor pode ser acompanhada de inchaço da região comprometida, mas em muitos casos só dor ou o inchaço estão presentes. A dor no membro superior ou inferior é um sintoma muito comum no consultório do Ortopedista, em muitos casos, um tumor principalmente na fase inicial, não tem o seu diagnóstico feito, principalmente em crianças e adolescentes, já que estes estão mais sujeitos a traumatismos, devido à maior atividade física.

É justamente nesta faixa etária (01 a 20 anos de idade) a maior incidência dos tumores ósseos tanto malignos (cânceres) quanto benignos. Devemos ressaltar que os tumores benignos são cinco vezes mais comuns que os tumores malignos na adolescência.

O trauma em um membro (exemplo – bater o joelho em um jogo de futebol), não é responsável pelo aparecimento de um tumor ósseo, benigno ou maligno, deve haver um componente genético (alteração da formação do gene deste paciente que pode ou não ser transmitido pelos pais). O mais comum é não ser transmitido pelos genes dos pais.

Os tumores ósseos podem ser primários ou secundários (Metástases). Os tumores primários podem ser benignos ou malignos (câncer). Depois de uma história da doença completa, exame físico e alguns exames laboratoriais, o tratamento dos tumores ósseos pode ser então iniciado.

O Raio-X simples é o exame primeiro a ser realizado. Ele permite que tenhamos informações gerais sobre o tumor, tais como: região envolvida, extensão da lesão e o tipo de reação produzida neste osso pelo tumor. Em muitos casos o Rx simples não é suficiente para termos um diagnostico de certeza para o tratamento de um tumor ósseo, procuramos mais informações em outros métodos de imagens.

A Cintilografia Óssea ou Mapeamento Ósseo, é utilizada na detecção das metástases ósseas e nos permite informações sobre o funcionamento metabólico do tecido ósseo normal ou de seu metabolismo quando acometido de um tecido tumoral benigno ou maligno.

A Tomografia Computadorizada é um importante aliado no estudo local da lesão, podemos através deste método conhecer a dimensão do envolvimento dos tumores nos ossos. É importante também no diagnóstico das metástases pulmonares, identificando lesões que não são detectáveis no Raio-X simples do tórax.

A Ressonância Magnética é um exame importante na avaliação da extensão dos tumores ósseos nos tecidos vizinhos, tais como músculos, nervos, vasos, permitindo uma melhor avaliação de uma possível cirurgia de preservação do membro.

A Ressonância Magnética, permite avaliar com detalhes o canal medular e sua relação com a medula óssea quando temos um tumor na Coluna Vertebral. Sempre que possível a Tomografia Computadorizada e a Ressonância Magnética devem ser utilizadas em conjunto, pois propiciam informações complementares. Lembramos que todos esses e outros exames são indicados dentro de uma seqüência, dependendo do tumor, porém o mais importante é o exame clínico feito pelo médico.

Após este conhecimento inicial através de exames complementares de imagens, procuramos então informações sobre o tipo de células que forma este tumor. Realizamos então a biopsia óssea.

A biopsia consiste e um ato médico cirúrgico, com todos os cuidados possíveis. Deve ser feito por um médico experiente e com grande conhecimento da técnica, com a finalidade de conseguir material suficiente para um diagnóstico preciso.

A preferência pela biopsia com agulha é uma tendência mundial, porém vários serviços de renome mundial ainda preferem a biópsia incisional (aberta), pois a quantidade de material obtido por esse método é maior. No nosso serviço realizamos tanto a biopsia aberta como a biopsia por agulha.

Se os exames complementares revelarem que o tumor em questão, se trata de um tumor benigno, realizamos a biopsia excisional, ou seja retirada total do tumor em um único ato cirúrgico.

Após percorrer estes caminhos e definir o diagnóstico, o Ortopedista Oncológico encontra parâmetros para definir uma estratégia terapêutica, porém esse tratamento é multidisciplinar, com participação do Ortopedista Oncologico, Oncologista Clínico, Pediatra, Radioterapeuta, Cirurgião Oncologista e os especialistas em medicina de imagem.

Com o aprimoramento das técnicas de estadiamento, associados com a eficácia do tratamento adjuvante (quimioterapia e ou raditerapia – quando necessário), houve também um grande desenvolvimento da cirurgia ortopédica, principalmente no desenvolvimento de técnicas de ressecções de tumores ósseos e sua substituição/ reconstrução por enxertos ósseos, enxertos de Banco de Ossos, e principalmente com o desenvolvimento das Endopróteses não Convencionais (Próteses projetadas especialmente para cada segmento afetado e especialmente projetada e confeccionada para cada paciente), com a conseqüente preservação do membro, ao invés das amputações.

Dr Glauco ressalta, é um doença na qual faz-se necessário diagnóstico precoce e tratamento especializado. Valorize o sintoma dor e o aparecimento de qualquer massa tumoral, procurando um especialista com habilidade e capacitado para este tipo de orientação.

Confirmado o diagonóstico de um câncer ósseo, ou de um tumor benigno, procure não abandonar o tratamento. Novas técnicas estão surgindo a cada dia, melhorando a qualidade de vida ou mesmo ampliando os horizontes de cura.

Tipos de Tumores Ósseos e Relacionados:

– Tumor benigno assintomático

É considerado praticamente um achado radiológico pois raramente há sintomas ou eolução para um quadro de fratura patológica.

Osteosarcoma

É o tumor ósseo maligno mais comum que incide em adultos jovens em nosso meio. em 80% dos casos tratados conseque-se evitar a amputação. o tratamento quimioterápico é fundamental para o indice de 65% a 75% de cura ao final do tratamento.

Tumor de Ewing

Tumor de Ewing incide entre normalmente entre os 11 e 20 aanos de idade. A dor  e febre são sintomas frequntes nesta patologia. As cirurgias preservadoras dos membros são as mais recomendadas.

Cisto ósseo aneurismático

Incide em adulto jovem, realizamos sempre o tratamento cirurgico, com indices de cura em torno de 85% dos casos , semelhante à literatura médica

Tumor de celulas gigantes

Lesão benigna muito agressiva , pode realizar metastáse pulmonar. Sempre cirúrgico e consiste em retirada do tumor com substituição com enxerto ósseo, cimento cirurgico, ou endoprotese não convencional

Cisto osseo simples

O cisto ósseo simples é uma lesao benigna ativa preenchida com liquido sanguinolento. Em nossos procedimentos tratamos conservadoramente quando pequenos e em membros superiores, porem cirúrgicamente quando em membros inferiores, com altos indices de bons resultados.

Displasia fibrosa

É uma doença, congênita e benigna,1 que provoca desgaste ósseo e crescimentos ou lesões em um ou mais ossos do corpo humano. Estas lesões são crescimentos semelhantes a tumores que consistem na substituição do osso medular pelo tecido fibroso, causando a expansão das áreas e enfraquecimento dos ossos envolvidos. Especialmente quando envolvendo ossos do crânio ou face, as lesões podem causar deformidades visíveis externamente. O crânio é, frequentemente, mas não necessariamente, afetado.

Osteocondroma

Tumor ósseo de origem cartilaginosa  mais comum, com características benignas, porém com potencial de malignização.

Sarcoma de partes moles

Tumores que atingem tecidos que envolvem o osso (qualquer tecido entre o osso e a pele), geralmente de alto grau de malignidade.

Caraterística principal = rápido aumento de volume.

Fibrohistiocitoma

Tumor ósseo com alto grau de malignidade. Incide em ossos longos ao redor do joelho, sendo um tipo de tumor osseo muito raro.

Mieloma múltiplo

Neoplasia das celulas do sangue chamadas plasmócitos. Corresponde a 10% do total dos cânceres hematológicos.

Metastase óssea

Todo tumor maligno pode produzir metástases no tecido ósseo.

Tire suas dúvidas enviando sua pergunta através de nosso contato!

* atenção: a informação existente neste portal pretende apoiar e não substituir a consulta médica. procure sempre uma avaliação pessoal com um médico da sua confiança.

* Esta informação é oferecida com propósitos informativos e educacionais e não é fornecida como um serviço profissional ou como conselho médico para pacientes específicos. As visões e opiniões de autores de documento similares não necessariamente refletem as da nossa Instituição.

Médicos responsáveis:

DrGlaucoMelloS

Dr. Glauco Pauka Mello

Confira Nossos Tratamentos

Aqui você encontra alguns dos principais tratamentos que oferecemos.

Musculação Terapêutica

A Musculação Terapêutica (MT), segundo o Colégio Americano de Medi...

Saiba mais

Oncologia Ortopédica

Dr.  Glauco José Pauka Mello, iniciou seu trabalho em Oncologia Orto...

Saiba mais

Incontinência e Biofeedback

O que é Incontinência? É a perda de cocô ou xixi que pode se apres...

Saiba mais

Acupuntura

Acupuntura ou Acupunctura é um ramo da Medicina Tradicional Chinesa e...

Saiba mais

Próteses

Na clínica COFIB, você tem toda a assessoria e acompanhamento especi...

Saiba mais

Cinesioterapia

Possuímos salas individuais de atendimento para Cinesioterapia adapta...

Saiba mais

Hidroterapia

Os tratamentos curativos através da água são tão antigos quanto a ...

Saiba mais

Fisioterapia

O atendimento fisioterapêutico visa um trabalho eficaz multidisciplin...

Saiba mais

R.P.G.

A Reeducação Postural Global (RPG) A Reeducação Postural Global (R...

Saiba mais

Cirurgias Ortopédicas

Cirurgias Ortopédicas Aqui você encontra todas as informações sobr...

Saiba mais

Cirurgias Complexas do Sistema Locomotor

...

Saiba mais

Rua José Naves da Cunha, 51 | Seminário – Curitiba | Paraná
(41) 3039 6414 / (41) 3039 6404